Otimização de Sites e os Novos Tempos com YouTube e Mídias Sociais

Olá,

Trabalho com otimização de sites desde 2006, mas comecei a estudar o assunto em 2001 com um “guru” americano. Trata-se de um trabalho que faço com prazer. Incluo no meu trabalho as leituras diárias de temas relacionados com o assunto.

Há muitas controvérsias na otimização de sites; elas são causadas sobretudo pelas constantes mudanças nos mecanismos de busca (Google, Yahoo, Bing, etc), as quais quase sempre são mal explicadas. O Google tem hoje cerca de duzentas e cinquenta variáveis envolvidas no posicionamento de uma única página – a posição dela nas buscas é resultante de infindáveis cálculos. Mas os novos tempos trouxeram outras mudanças.

A evolução rápida dos programas dos mecanismos de busca, os smartphones, os tablets, o YouTube e a explosão das mídias sociais mudaram o rumo das coisas. Antes, bastava otimizar bem o texto e as imagens, colocar as palavras-chave nos lugares certos, fazer bons títulos e boas descrições, conseguir bons links externos e estava tudo bem, a boa posição nas buscas orgânicas estava assegurada. Hoje o Google, em particular, conta com ferramentas que avaliam indiretamente a qualidade do site: duplicações dentro do próprio site e em sites de terceiros, configurações semelhantes dos textos, superotimização, tamanho dos textos, links externos de má qualidade, etc. Por outro lado, metade das buscas hoje em dia são feitas em smartphones e tablets, e as buscas pelo YouTube tomou metade das buscas orgânicas. E como se não bastasse, a presença do site nas mídias sociais tornou-se importante no posicionamento orgânico e na geração de tráfego de usuários para o site. Mas a otimização de sites continua importante, mesmo quando se trata de um vídeo para o YouTube – se não for bem otimizado, seu alcance fica limitado.

Essas mudanças requerem muito mais trabalho por parte do otimizador e necessitam de pessoas especializadas em outras áreas pra que o site possa dar o retorno esperado e possível.

Ruy Miranda

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


3 − três =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>